Argila Verde, Argila Branca e Argila Preta. Conheça os mistérios da linha Alkymia di Grandha, para terapia da pele e do couro cabeludo com argilas terapêuticas.

Argila Verde, Argila Preta e Argila Branca: Os Mistérios de Alkymia di Grandha.

A força da natureza e o ritual da argila a serviço da sua beleza

Alkymia di Grandha contempla a força dos óleos naturais em sua mais pura essência e potencial de atividade e busca na argila verde, na argila preta ou negra e na argila branca, os segredos mais antigos dos maiores rituais de beleza já relatados na história da humanidade. Alkymia di Grandha revitaliza e personaliza a beleza.

Apesar da linha contemplar 15 tipos diferentes de óleos essenciais e outros 3 óleos vegetais, neste artigo abordaremos apenas a questão das argilas, que já vai render bastante assunto!

Argila Branca

A argila branca é a mais leve de todas as argilas. É indicada para peles sensíveis e desidratadas. Contém maior percentual de alumínio e é composta principalmente por sílica, um mineral de extrema suavidade e alta compatibilidade com a pele e com o couro cabeludo.

Aplicável em variados tipos de terapias faciais, corporais e em procedimentos específicos da terapia capilar, a Argila Branca de Alkymia di Grandha é refinada e possui toque sedoso e aveludado, de amplo potencial de clareamento de pele, para o tratamento de manchas, além de cicatrizante e hidratante. Absorve a oleosidade sem desidratar a pele e o cabelo. Possui notas refrescantes e proporciona sensação de bem-estar. Comumente aplicada em máscaras faciais, a argila branca tem um excelente desempenho também no tratamento de cabelos secos e desidratados. Um clássico da argiloterapia.

Argila Branca. Conheça os mistérios da linha Alkymia di Grandha, para terapia da pele e do couro cabeludo com argilas terapêuticas.

Argila Branca: ideal para as peles sensíveis e desidratadas.

Argila Verde

A argila verde possui uma maior diversidade de elementos. É naturalmente indicada para a pele oleosa e com acne, sendo também utilizada para tratar cabelos oleosos. É composta principalmente por montmorillonita, um mineral formado por silicatos e gipsita. Combate edemas e promove o efeito detox, por meio de esfoliação e potencial secativo. É um excelente tonificante e estimulante da pele.

Seu potencial cicatrizante, analgésico e estimulante justificam o fato da argila verde estar entre as mais usadas para o combate de distúrbios de oleosidade. A argila verde possui uma alta capacidade bactericida, podendo ser aplicada em diferentes rituais de saúde, beleza e bem-estar. Está entre as mais importantes ferramentas das terapias complementares. É normalmente aplicada em xampus e máscaras secativas.

Argila Verde. Conheça os mistérios da linha Alkymia di Grandha, para terapia da pele e do couro cabeludo com argilas terapêuticas.

Argila verde: ideal para cabelos e peles oleosas, com acne.

Argila Negra

A argila negra – mais conhecida como argila preta, é a mais nobre de todas as argilas. Muito rara, possui atributos e características bastante particulares. Normalmente, a argila preta é utilizada para rituais de beleza com ação anti-age e anti-stress para pele e cabelo. A argila preta possui capacidade revitalizadora do couro cabeludo e confere toque acetinado e boa textura à pele. Esta argila também é usada para fins de remineralização dos cabelos, aumentando o brilho e a sedosidade da fibra capilar.

O potencial anti-inflamatório e seborregulador da argila negra orientam sua aplicação em processos de crescimento capilar e fortalecimento da pele e dos cabelos. Sua aplicação é ampla e estabelece relação com uma série de outros rituais de saúde, beleza e bem-estar. A argila negra vem ganhando destque no campo das terapias complementares por sua notável gama de benefícios.

Argila Negra ou Preta. Conheça os mistérios da linha Alkymia di Grandha, para terapia da pele e do couro cabeludo com argilas terapêuticas.

Argila Negra: a mais nobre das argilas terapêuticas.


Acompanhe nossas atualizações e novidades no Facebook Grandha.

Outros Artigos