Facebook Grandha.
Instagram Grandha
YouTube Grandha
Chá verde e chá preto Grandha e seus benefícios na terapia capilar.

Chá Verde e Chá Preto: Benefícios na Terapia Capilar

Compartilhe:

Chá Preto e Chá Verde na Terapia Capilar

Talvez você ainda não tenha ouvido falar sobre o uso de chá verde e chá preto nos cabelos mas, atualmente, o cenário da terapia capilar cresce em velocidade significativa. A busca dos profissionais por conhecimento – e dos clientes por tratamento efetivo – é algo constante e, a cada dia, disfunções variadas acometem o cabelo e couro cabeludo. Os motivos são inúmeros: desequilíbrio emocional, estresse cotidiano, uso de químicas ácidas e corrosiva, traumas físicos e a influência genética.

Neste artigo, vou salientar mecanismos que são fundamentais para o bom desempenho do sistema capilar: combate aos radicais livres (antioxidante) e estimulação do ciclo de crescimento (energizante) através da utilização sinérgica, ou individualizada, tanto do chá verde (green tea), quanto do chá preto (black tea).

Chá verde e chá preto Grandha e seus benefícios na terapia capilar.

Chás são ferramentas importantes na terapia capilar moderna.

Chá Verde e Energização Para Crescimento

Os extratos botânicos possuem efeitos benéficos na dinâmica biológica do seres humanos. Isso já está respaldado por diversos periódicos científicos. O extrato de chá verde contém epigalocatequina-3-galatoantioxidante (EGCG), que tem a capacidade para estimular o crescimento do cabelo. Ele também contém catequinas que ajudam reprimindo DHT ou dihidrotestosterona, a qual geralmente é responsável pela perda de cabelo.

Os compostos encontrados no extrato de chá verde, tais como carotenóides, tacoferóis, zinco, ácido ascórbico, selênio e manganês ajudam a prevenir a queda de cabelo e estimulam o crescimento. Suas propriedades anti-inflamatórias aumentam o crescimento capilar e também estimulam os queratinócitos da papila dérmica, através da ativação do KGF – fator de crescimento dos queratinócitos –, que por sua vez melhora o crescimento e espessura do cabelo.

Chá verde e chá preto e seus benefícios na terapia capilar.

Black Tea (chá preto) e Green Tea (chá verde) da linha Alkymia di Grandha.

Chá Preto e Antioxidantes

As propriedades antioxidantes do chá preto são manifestadas pela sua capacidade de inibir a geração e eliminar radicais livres, além de quelar íons de metais de transição. O chá preto, assim como as teaflavinas individuais, pode influenciar a ativação de fatores de transcrição, como NFκB ou AP-1.

Devido ao processo de fermentação, o chá preto possui um percentual importante de cafeína, que auxilia no metabolismo biológico e modular uma enzima chamada fosfodiasterase, evitando assim que sua ação aumente os níveis inflamatórios da 5-alfa-redutase, promovendo assim uma queda de cabelo ainda mais efetiva.

Não podemos esquecer que na composição dos Chás da Grandha, temos a presença do Polluout Technology, um biopolímero que promove uma proteção maior do cabelo e couro cabeludo contra poluentes, mantendo ainda mais efetivos os efeitos antioxidantes.

Por isso, é de extrema importância a utilização dos chás, pois ambos possuem efeitos antioxidantes. E como estamos, a todo momento, expostos à ação de radicais livres, o ajuste proporcionado pelo uso do chá verde e do chá preto viabiliza a biologia capilar, mantendo assim um couro cabeludo e cabelo saudáveis.


Eduardo Motta é terapeuta capilar pós-graduado em Tricologia e Terapia Capilar Avançada pela Universidade Anhembi Morumbi, tricologista pelo IAT, docente da ABT e professor da pós-graduação em tricologia da Universidade Anhembi Morumbi.

Acompanhe nossas atualizações e novidades no Facebook Grandha.

Outros Artigos