Facebook Grandha.
Instagram Grandha
YouTube Grandha
Mulher lavando cabelo no lavatório.

É Bom Lavar o Cabelo Todo Dia? Questão de Beleza e Também de Saúde

Compartilhe:

É Bom Lavar o Cabelo Todo Dia?

Existem muitas perguntas acerca da frequência de lavagem correta: lavar o cabelo todo dia é prejudicial? O cabelo só deve ser lavado quando estiver oleoso? As dúvidas são muitas, por isso vamos direto ao ponto.

Lavar o Cabelo Todo Dia: Higiene ou Exagero?

A primeira coisa importante a se mencionar é que quando estamos falando sobre a higienização, não estamos falando apenas em couro cabeludo, mas também sobre a higienização dos fios, que podem ter necessidades diferentes.

O nosso couro cabeludo, assim como o restante da nossa pele, é revestido por vários micro-organismos que compõem a nossa microbiota; dentre eles, a malassezia spp. Apesar de não ser queratinolítica, este fungo utiliza restos epiteliais e produtos de excreção para o seu desenvolvimento [1].

Laranjas podres com fungos. Fungos se espalham pelo ar e, por isso, é importante lavar o cabelo todo dia.

Organismos eucariotas, muitos fungos estão presentes no ar, em forma de esporos.

Cuidado Com Fungos e Bactérias

Como acabamos de notar, este fungo se alimenta da descamação diária imperceptível. Acontece que, para que essa descamação não se torne exagerada, devemos tomar alguns cuidados, como manter a frequência de lavagem em dia.

Já que não vemos essa descamação a olho nu, isso quer dizer que o couro cabeludo, em condições normais, não ficará com aspecto de sujo. Por isso, o visual do cabelo não pode ser tomado como o único indicador do momento ideal para a lavagem.

Porém, apesar de não serem visíveis, sabemos que estes micro-organismos se alimentam das células mortas da nossa descamação diária. Se essa descamação se acumula quando não higienizamos o couro cabeludo, isso significa que estamos oferecendo uma demanda maior de alimento para esses micro-organismos e facilitando sua proliferação.

Lavar o Cabelo Todo Dia? Cada Caso É Um Caso

É claro que cada pessoa tem a sua própria frequência de lavagem, de acordo com o seu estilo de vida, local onde mora, etc. Portanto, lavar ou não lavar o cabelo todo dia? Na média, podemos estabelecer a lavagem uma vez a cada dois dias.

No entanto, vale lembrar que outros hábitos ainda podem colaborar com a proliferação desordenada de fungos e bactérias. Por exemplo: prender ou dormir com os cabelos molhados vai proporcionar um ambiente quente, úmido e abafado, totalmente adequado aos micro-organismos nocivos.

Mulher lava cabelo todo dia. Fungos são perigo constante em casos de má higienização.

Na média, podemos estabelecer a lavagem uma vez a cada dois dias.

Caspa Pode Ser Indicativo de Lavagem Inadequada

O desenvolvimento excessivo de um fungo comensal leveduriforme, pityrosporum (malassezia) ovale, está intimamente relacionado com a ocorrência de caspa, uma das alterações mais comuns que acometem o couro cabeludo.

Estima-se que 50% da população adulta apresente este problema, o qual se caracteriza por descamação excessiva, difusa e visível do couro cabeludo, normalmente com irritação e coceira locais [2].

Para tratar condições tão corriqueiras como essa, além de estabelecer uma periodicidade adequada de lavagens, é essencial escolher bem o produto que será aplicado. Produtos com altas concentrações de óleos essenciais específicos para controle de oleosidade, por exemplo, são excelentes escolhas.

Kit Dry Confort Grandha, da linha Flores e Vegetais. Possui óleos de campim-limão, melaleuca e arnica montana. Ideal para lavar o cabelo todo dia, contra caspa e oleosidade excessiva.

Kit Dry Confort possui poderosa combinação de óleos essenciais de arnica montana, capim-limão e melaleuca, para combater distúrbios de oleosidade.

Conclusão

Se o seu couro cabeludo e fios estão muito ressecados, a melhor estratégia não é diminuir a frequência das lavagens. Por isso, neste caso, o melhor mesmo é manter a periodicidade das lavagens, apenas tomando o cuidado de optar por produtos que sejam realmente adequados para o seu tipo de cabelo.

Na dúvida, consulte um profissional qualificado, capaz de lhe orientar sobre essa escolha tão fundamental.

Bibliografia:
[1] (BROOKS et al., 2000; OLIVEIRA et al., 2006).
[2] (HARRIS, 2002; NEMER, 2004; WARNER et al., 2001).


Raissa Hein é Educadora Técnica Grandha, graduada e pós-graduada em tricologia e terapia capilar pela Universidade Anhembi Morumbi; cabeleireira, maquiadora e docente na Academia Brasileira de Tricologia e na pós-graduação da Universidade Anhembi Morumbi.

Acompanhe nossas atualizações e novidades no Facebook Grandha.

Grandha Instagram. @grandhabrasil, siga-nos no Instagram.

Outros Artigos