Facebook Grandha.
Instagram Grandha
YouTube Grandha
Mulher recebendo aplicação de óleo de rosa mosqueta em sessão de terapia.

Óleo de Rosa Mosqueta: Para Que Serve e Como Usar?

Compartilhe:

O Que é Óleo de Rosa Mosqueta?

O Óleo de Rosa Mosqueta é extraído da rosa rubiginosa affinis, flor que pertence ao gênero Rosa, com aproximadamente outras 70 espécies de rosas do mundo todo.

Trata-se de um óleo vegetal, originário da área do Mediterrâneo e da Europa Central, trazido para a América do Sul pelos colonizadores espanhóis. Hoje, cresce especialmente nas regiões sul e central do Chile.

Óleo de Rosa Mosqueta.

Óleos de rosas têm sido utilizados há séculos em todo o mundo.

O Que São Óleos Vegetais?

Os óleos vegetais são substâncias lipídicas, extraídas de plantas e possuem afinidades naturais com os tecidos orgânicos. Óleos vegetais são biocompatíveis com a pele e com os cabelos e, dessa forma, atuam na reposição dos ácidos graxos essenciais. Quando de boa qualidade, os óleos vegetais atuam na manutenção do manto hidrolipídico e na melhora da flexibilidade da pele.

Ao contrário do que se pensa, os óleos vegetais puros não aumentam a oleosidade quando aplicados na pele e cabelos. Esta sensação ocorre quando são utilizados óleos minerais, pois estes causam semi-oclusão e evitam a penetração da água na pele e cabelos. sendo, por este motivo, bastante aplicado em bebês, nas trocas de fraldas.

Aplicação de Óleo de Rosa Mosqueta em terapia capilar.

Óleos vegetais de boa qualidade atuam na manutenção do manto hidrolipídico e na melhora da flexibilidade da pele.

Óleo de Rosa Mosqueta Como Carreador

O óleo de rosa mosqueta, assim como todos os principais óleos vegetais, também é muito utilizado para carrear óleos essenciais. O óleo vegetal tende a misturar-se imediatamente ao óleo essencial e ambos trabalham em sinergia. Isso não impede, porém, que sejam utilizados em forma pura – sempre com muito cuidado.

O óleo de rosa mosqueta puro é popularmente conhecido por suas propriedades terapêuticas, pois apresenta 80% de ácidos graxos em sua composição – como os ômegas 6 e ômegas 9 – e grandes quantidades de vitamina A, vitamina C e vitamina D. Por isso, este óleo é considerado um dos mais eficazes na função regeneradora cutânea, pois promove a renovação da epiderme.

Óleo de Rosa Mosqueta Grandha. Óleo Vegetal para uso na pele e cabelos.

O óleo de rosa mosqueta puro é popularmente conhecido por suas propriedades terapêuticas, pois apresenta 80% de ácidos graxos em sua composição.

Para Que Serve e Como Usar o Óleo de Rosa Mosqueta

Seu uso será sempre associado a lesões e inflamações da pele. Pode ser aplicado em tratamento de dermatites, psoríases, feridas, queimaduras, úlceras, rejuvenescimento, tratamento de cicatrizes pós-cirúrgicas ou com função impermeabilizante.

É capaz de evitar a desidratação da pele e promover a correção e regularização da sua superfície e do couro cabeludo. É muito eficaz no couro cabeludo, rosto, corpo e unhas. Por ser um óleo de um custo mais elevado, geralmente é empregado em conjunto com outro óleo vegetal, com uma proporção de 10% da mistura.

Dica: Este óleo é sensível à luz e ao calor. Portanto, é preciso se atentar ao armazenamento, de forma a preservar suas qualidades fundamentais.


Denise Pedrosa.

Acompanhe nossas atualizações e novidades no Facebook Grandha.

Grandha Instagram. @grandhabrasil, siga-nos no Instagram.

Outros Artigos