Facebook Grandha.
Instagram Grandha
YouTube Grandha
Óleo de jojoba tem alto poder hidratante.

Óleo de Jojoba: Por Que Adicioná-lo Nos Cuidados Diários do Seu Cabelo

Compartilhe:

O Que é Óleo de Jojoba?

O óleo de jojoba é, na verdade, uma cera extraída das sementes da planta de jojoba, um arbusto nativo de áreas desérticas da América do Norte. Ela cresce especialmente nos Estados Unidos (Arizona e sul da Califórnia) e no México.

O óleo de jojoba começou a ser adicionado a cosméticos e alimentos na década de 1970. É incrivelmente versátil e sua aplicação é bastante flexível. Um de seus propósitos mais populares é para cosméticos. É encontrado em uma variedade de produtos para cabelo, pele e unhas.

Óleo de Jojoba Para os Cabelos

Óleo de jojoba Grandha.

Óleo de Jojoba Grandha.

O óleo de jojoba tem composição oleosa, por isso pode ser usado como hidratante. Ele também pode ser adicionado a condicionadores de cabelo para fornecer proteção adicional contra ressecamento, quebra e pontas duplas.

O óleo também pode hidratar o couro cabeludo e pode ser um remédio para a caspa. A jojoba é rica em vitaminas e minerais que nutrem o cabelo, incluindo vitamina C, vitaminas B, vitamina E, cobre e zinco.

Por fortalecer o cabelo, há alguns estudos que sugerem a possibilidade de que o óleo de jojoba possa prevenir a queda de cabelo e aumentar a espessura do cabelo. A ideia por trás disso é que o óleo hidrata os folículos capilares, o que evita o ressecamento que leva à queda de cabelo.

Estudos Sobre o Óleo de Jojoba

Existem muitas reivindicações em torno do óleo de jojoba e o que ele pode fazer pelos cabelos. Alguns são precisos e apoiados por pesquisas, enquanto outros ainda precisam de maior suporte de evidências. O uso do óleo de jojoba como um hidratante para cabelo e pele é seu principal benefício, com recentes revisões dermatológicas confirmando isso.

Também pode ser útil no tratamento de caspa, couro cabeludo seco e coceira no couro cabeludo, além de ser usado como anti-inflamatório e hidratante para a pele. A reputação do óleo como estimulante direto do crescimento do cabelo, por outro lado, não é apoiada por pesquisas – até o momento, pelo menos. Um estudo recente da Trust Source, que testou o óleo de jojoba para o crescimento do cabelo, descobriu que ele era menos eficaz do que outros ativos já utilizados no mercado.

Por esse motivo, o óleo de jojoba não deve ser considerado uma terapia para calvície, alopecia androgenética ou outros distúrbios de queda de cabelo. Ainda assim, pode ser um ótimo produto para promover cabelos fortes, sedosos e brilhantes.

Semente de jojoba.

Semente da jojoba, de onde é extraído o óleo.

Como Usar?

Existem várias maneiras de adicionar óleo de jojoba à sua rotina de cuidados com os cabelos. A que mais recomendamos é aplicação direta:

  • Use cerca de 1 colher de sopa para cabelos curtos e 2 colheres de sopa para cabelos mais longos. Aqueça o óleo com o próprio movimento de atrito das mãos e aplique-o no cabelo acima do couro cabeludo e uniformemente nas pontas. Deixe agir por cerca de 20 minutos e depois lave, condicione e enxágue.

Evite a aplicação direta no couro cabeludo para evitar poros obstruídos. Se aplicar para couro cabeludo seco ou caspa, adicione muito pouco diretamente na pele.

Conclusão

O óleo de jojoba pode ser um ótimo complemento para os seus cuidados diários com os cabelos. Potencializa o ato de condicionar os cabelos, deixando-os com maior resistência, brilho e maleabilidade.

Como dito anteriormente, o uso do óleo de jojoba para o crescimento do cabelo ou prevenção da queda capilar ainda é contestado. Por outro lado, o óleo de jojoba é muito útil no tratamento de problemas de couro cabeludo seco e com distúrbios de oleosidade, além da caspa. Também é rico em vitaminas e minerais que nutrem o cabelo ao longo do tempo.

O óleo de jojoba é bastante seguro. É sempre aconselhável consultar a opinião de seu médico antes, mas o fato é que os casos de alergia são muito raros e, geralmente, manifestam-se após um uso excessivo do óleo.

Outros Artigos