Facebook Grandha.
Instagram Grandha
YouTube Grandha
Mulher com cabelo tratado por cronograma capilar Grandha.

Cronograma Capilar Integrado: 4 Sugestões Para Tratar Cabelos e Couro

Compartilhe:

Cronograma Capilar Para Recuperar Cabelo e Couro Cabeludo

Hoje em dia, a realização do cronograma capilar é essencial pois, acompanhando as tendências da moda, é cada vez mais frequente o uso de químicas capilares. Essa busca por tão sonhados padrões de beleza muitas vezes traz danos à fibra capilar, mas também pode atingir o couro cabeludo.

Por este motivo, se faz necessário o acompanhamento com profissioais habilitados, conhecedores dos riscos que determinadas químicas podem causar, seja pela manipulação dos ativos de forma inadequada ou pelo uso de produtos de baixa qualidade ou com fórmulas alteradas.

Erros Fundamentais

Atualmente, os erros mais recorrentes na aplicação de transformadores químicos são:

1) Descoloração sem um pré-tratamento para recuperação dos fios em cabelos já sensibilizados por químicas anteriores.

2) Aplicações de produtos caseiros, que não tem especificidade para o cabelo, como produtos de uso doméstico ou animal.

3) Uso de progressivas ácidas ou xampu que alisa, xampu bomba, xampu para cavalo, etc.

4) A falta de uma estratégia por parte do profissional para a realização de um cronograma capilr integrado, antes e depois da aplicação das químicas, de forma a preparar a fibra e o couro cabeludo para receber os ativos. Além disso, também é necessário planejar a forma correta de reparos e repoisções de água e/ou massa.

5) Cerca de 70% das mulheres já vivenciaram essa situação num cabelo já sensibilizado, com pontas duplas, opaco, com descamação do couro cabeludo, oleosidade excessiva, queda, com processo inflamatório ou por falta de informação tanto da cliente quanto da profissional responsável. A aplicação de progressivas ácidas causam o que chamamos de denaturação proteica no cabelo e sensibiliza o couro cabeludo. A isto soma-se ainda a falta de cuidados em casa, na manutenção.

Cronograma Capilar é Essencial no Dia a Dia

A falta de um cronograma capilar adequado pode ser um dos fatores que colaborarão com um eventual corte químico e fios elásticos, mais finos, que se rompem com maior facilidade. Também pode haver dificuldade para manter a cor desejada. Já o couro cabeludo pode apresentar descamação leve ou severa, muitas vezes acompanhada de excesso de oleosidade, queda e dificuldade para ganhar comprimento, por conta da diminuição do ciclo de crescimento natural do cabelo.

Sugestão de Cronograma Capilar 1

Couro Cabeludo com Queda ou Descamação

Protocolo para Clínica, Spa ou Salão.

Fito Capillus: sistema integrado de controle da biodinâmica da microbiota, Fito Capillus foi desenvolvido para agir na desobstrução e energização do sistema pilossebáceo, atuando de forma reguladora e do sistema capilar.

Fibra com Descoloração ou Alisamentos Ácidos

Protocolo para Clínica, Spa ou Salão.

Nanocristalização: dentre os procedimentos de recuperação de cabelos danificados e redução de volume, a nanocristalização é o que possui a ideia mais atual e inovadora de atuação cosmética.

Terapia Semanal

Protocolo de Manutenção em Casa

Óleo vegetal: para umectação do couro cabeludo e da fibra, pode-se utilizar os óleos vegetais de semente de uva, abacate, macadâmia, jojoba ou rosa mosqueta.

Óleo de Rosa Mosqueta Grandha. Óleo Vegetal para uso na pele e cabelos.

Óleo Vegetal de Rosa Mosqueta.

Higienização Diária com Cosméticos ou Cosmecêuticos

Protocolo de Manutenção em Casa

Fito Capillus: complemento de uma composição de benefícios exclusivos, com foco no combate às microinflamações e distúrbios da microbiota do couro cabeludo. Fito Capillus estuda também os efeitos e os impactos do estresse, a fim de promover desenvolvimento cosmecêutico aplicado à saúde e ao bem-estar, ao associar o que há de melhor em componentes naturais e outros compostos biotecnológicos.

Sugestão de Cronograma Capilar 2

Couro Cabeludo com Queda ou Descamação

Protocolo para Clínica, Spa ou Salão.

Aromaterapia: associada à terapia capilar, a aromaterapia promove a liberação de aromas com óleos essenciais, que atingirão o sistema nervoso central, através do seu transporte pelo sistema olfativo. Isso estimula o sistema límbico e ativa as memórias olfativas. Este processo gera emoções e impulsos, os quais estimulam a produção de substâncias benéficas no organismo.

Fibra com Descoloração ou Alisamentos Ácidos

Protocolo para Clínica, Spa ou Salão.

BBtox Absolute Repair: rico em polifenóis de frutas vermelhas, o tratamento BBtox Absolute Repair tem ação altamente antioxidante e promove a normalização gradual do pH das fibras acidificadas pelas progressivas. Hidrata e preenche as imperfeições das cutículas.

Terapia Semanal

Protocolo de Manutenção em Casa

Revitamax Mask Conditioner: com manteiga de tucumã, que é rica em ácidos áulico, mirífico e oleico. Trata-se de um excelente emoliente, muito fácil de ser espalhado, e que proporciona um toque macio ao cabelo danificado e poroso. É muito rico em vitamina A.

Higienização Diária com Cosméticos ou Cosmecêuticos

Protocolo de Manutenção em Casa

Urbano Spa Blue: é uma composição de benefícios exclusivos que promove limpeza extrema e uma completa terapia capilar que melhora as atividades bióticas do folículo piloso. Restabele o equilíbrio dinâmico do processo e reposição de queratina durante a fase noturna de descanso.

  • Combate à queda capilar
  • Equilíbrio hormonal e metabólico
  • Oleosidade excessiva
  • Terapia Capilar
Urbano Spa Blue Grandha para Cronograma Capilar.

Kit Urbano Spa Blue.

Sugestão de Cronograma Capilar 3

Couro Cabeludo com Queda ou Descamação

Protocolo para Clínica, Spa ou Salão.

Argiloterapia: terapia complementar que usa os mais variados tipos de argilas para remoção de toxinas, oleosidades e para o melhoramento da textura da pele. Ao mesmo tempo em que retira resíduos externos e desintoxica superficialmente, a argila também promove a nutrição tópica, por meio de liberação de minerais e oligoelementos – formação de enzimas, hormônios e vitaminas.

Fibra com Descoloração ou Alisamentos Ácidos

Protocolo para Clínica, Spa ou Salão.

Enveopamento de Fios: trabalha no conceito de selagem capilar e é indicado para pessoas com cabelos danificados e com cutículas abertas, o que gera perda de nutrientes aos cabelos. Acaba com as pontas duplas e revitaliza a estrutura externa dos fios, deixando-os mais disciplinados e com aparência de liso natural, devido à diminuição do volume durante o processo da selagem capilar.

Terapia Semanal

Protocolo de Manutenção em Casa

Massagem Terapêutica Craniofacial com Óleo vegetal: as principais características dos óleos vegetais são sua excelente ação antioxidante, atuação como regulador sebáceo, tonificante, estimulante e biomodulador celular. As massagens podem ser feitas também com a linha corporal Fito Capillus.

Higienização Diária com Cosméticos ou Cosmecêuticos

Protocolo de Manutenção em Casa

Urbano Spa Black: nova linha de produtos orientados para repilação e cicatrização do couro cabeludo, Urbano Spa Black é uma linha passível de ser vetorizada pós-microagulhamento ou relacionada com aplicações de laser de baixa potência. Uma ferramenta única para os tricologistas médicos, não-médicos e para todos os terapeutas capilares.

Urbano Spa Black Grandha para Cronograma Capilar.

Kit Urbano Spa Black.

Sugestão de Cronograma 4 Capilar

Couro Cabeludo com Queda ou Descamação

Protocolo para Clínica, Spa ou Salão.

Urbano Spa Black: possui biotecnologia em sua formulação, associando o IGFfator de crescimento insulínico –, bFGFfator de crescimento fibroblasto básico
e VEGFfator de crescimento vascular. Estes fatores são um dos mais importantes para o crescimento e espessura de cabelo. Todos esses ativos estão em nanocarreadores. Potencializa assim a permeação e absorção.

Fibra com Descoloração ou Alisamentos Ácidos

Protocolo para Clínica, Spa ou Salão.

Texturização de Crespos, Ondas e Cachos: a reconstrução texturizada é um tratamento especial que envolve um sistema de limpeza suave e hidratante, sem uso de termoativos amínicos. Possui dosagem extra de colágeno e elastina, óleos vegetais de avocado, damasco e macadâmia, além de conter aminoácidos essenciais com polímeros de contração que formam um sistema avançado de altíssimo nível de reparação. Proporciona um perfeito controle aos cabelos ondulados, cacheados e crespos.

Terapia Semanal

Protocolo de Manutenção em Casa

Building Fiber: o Building Fiber é a ampola que ganhou o acréscimo do 18-MEA, um lipídio natural dos cabelos, e foi associada a novos componentes, como os óleos vegetais de jojoba e macadâmia, assim como a vitamina E, fortalecendo ainda mais as cadeias de queratina e aumentando a resistência mecânica dos fios.

Higienização Diária com Cosméticos ou Cosmecêuticos

Protocolo de Manutenção em Casa

Alkymia di Grandha – D.Tox Shampoo, Green Tea e Black Tea: possuem a Polluot Technology, um ativo formador de filme biopolimérico, que reduz a adesão de partículas poluentes nos cabelos, a partir da atuação sinérgica de um complexo de polissacarídeos de origem vegetal, associados ao pantenol, xilitol e chá verde. Possui ação protetora imediata contra a fotodegradação, proporcionando fios fortes, brilhantes e maleáveis, além de um couro cabeludo saudável.

Pode-se ainda fazer a associação da linha Curl & Wave Home Care, desenvolvida pela Grandha especialmente para as mulheres que têm cabelo cacheado e procuram estimulá-los e mantê-los hidratados. Cuidado diário para cachos e textura naturais.

Chá Verde e Chá Preto para Cronograma Capilar.

Green Tea e Black Tea, de Alkymia di Grandha.

Conclusão

Todo cabelo precisa de tratamento, mesmo sendo natural. Tendo em vista que o cabelo é uma matéria morta, após sair do folículo, isso indica que ele não é capaz de se regenerar sozinho. É preciso aplicar um tratamento com reposição de aminoácidos, lipídios e proteínas. Isso vale para também para o couro cabeludo, cuja saúde pode afetar o processo de crescimento dos fios.

Vale lembrar que os cronogramas aqui sugeridos podem sofrer alterações conforma a necessidade de cada cliente ou paciente. Essas questões devem ser previamente analisadas numa consultoria capilar, realizada pelo profissional cabeleireiro, tricologista ou terapeuta capilar.


Referências:
[1] Tricologia Cosmética e a Química Capilar. HALAL, John.
[2] Apostila do Curso Papa Beauty.


Rosângela Lampert é graduada em Terapia Capilar e membro da Academia Brasileira de Tricologia, graduanda em biomedicina, empreendedora e proprietária da Lampert Hair Clinic, em Jaraguá do Sul, SC.

Acompanhe nossas atualizações e novidades no Facebook Grandha.

Grandha Instagram. @grandhabrasil, siga-nos no Instagram.


Mulher com psoríase com coceira no couro cabeludo.

Psoríase: Desordem Dérmica Que Pode Ser Controlada Com Cosmecêuticos Adequados

Compartilhe:

O Que é Psoríase?

A psoríase é uma doença sistêmica, com etiologia desconhecida, que pode atingir a pele e seus anexos – cabelos e unhas – e, ocasionalmente, as articulações. Esta inflamação não é contagiosa, apresenta-se de forma crônica e atinge cerca de 2% da população mundial. No Brasil, chega a 2,5%.

É uma doença que traz muitos impactos psicológicos e físicos aos pacientes, comparável ao experimentado por pacientes com outras doenças crônicas, tais como diabetes, artrite, depressão, câncer, entre outras. Por isso, este é um dos fatores que fazem a identificação inicial da doença um item de grande importância.

As lesões são placas eritematoescamosas e salientes que podem ser destacadas facilmente, com fundo avermelhado (Portaria 1229, 2013; SILVA, 2007; ARRUDA, YPIRANGA, MARTINS, 2004).

Psoríase no couro cabeludo.

Caso acentuado de psoríase no couro cabeludo.

Diagnósticos de Psoríase e Ferramentas de Tratamento

Nas clínicas de terapia capilar há uma grande procura dos serviços estéticos por clientes e pacientes diagnosticados com psoríase. Por se tratar de uma inflamação, a primeira medida a ser tomada é relatar ao cliente ou paciente as características da doença e as medidas estéticas que podem auxiliar no controle da mesma, focando em protocolos que forneçam ações anti-inflamatórias.

Podemos salientar a importância do uso, durante todo o protocolo, de cosmecêuticos e condutas por parte do paciente nos seus atos de higiene diária. Várias ferramentas são indicadas na literatura científica que podem ser exploradas no controle da psoríase, entre elas:

1) Uso da fotobiomodulação com as seguintes luzes:

Vermelha: Aumento de ATP, reestruturação e produção das fibras de colágeno e elastina e diminui a inflamação local;

Azul: Diminui a população de micro-organismo, reduz inflamação e auxilia na captação de moléculas de água no tecido;

Âmbar ou Amarela: Propriedades drenantes e desintoxicantes, melhora a circulação sanguínea e linfática, reduz edema e estimula a presença de água e causando um efeito calmante em caso de vermelhidão;

Verde: Melhora o metabolismo da pele, fornece um efeito geral de hidratação e mantém a pele suave e hidratada.

2) Uso da aromaterapia realizada com óleos vegetais – macadâmia, jojoba, semente de uva, abacate e rosa mosqueta – e óleos essenciais – lavanda, melaleuca, laranja doce, gerânio, bergamota, entre outros.

3) Uso de cosmecêuticos ricos em ativos que hidratam o couro cabeludo lesado, diminuem a inflamação, e desta forma, aliviam a coceira e descamação, e ainda controlam a população de micro-organismos como shampoos, condicionadores, tônicos, entre outros.

Protocolos Sugeridos

Protocolo 1
Protocolo de aromaterapia e cosmiatria para aliviar a inflamação, coceira e desidratação do couro cabeludo: preparar um blend com 10 ml de óleo vegetal de abacate, 5 gotas de óleo vegetal de rosa mosqueta, 3 gotas de óleo essencial de lavanda francesa e 2 gotas de óleo essencial de laranja doce. Aplicar suavemente sobre todo couro cabeludo, aguardar o tempo de pausa e fazer a higienização do couro cabeludo e haste com o Fito Capillus Eucalyptus Shampoo, deixe alguns minutos e enxágue. Condicione couro e fios com o Eucalyptus Balm Conditioner, e aplique o vapor de ozônio. Enxágue e finalize.

Kit Fito Capillus Eucalyptus Grandha para tratamento de psoríase e terapia capilar.

Kit Fito Capillus Eucalyptus.

Protocolo 2
Protocolo de fotobiomodulação e cosmiatria para aliviar a inflamação e minimizar a população microbiana do couro cabeludo: realizar a higienização do couro cabeludo com o Fine Herbal Shampoo, deixar alguns minutos e promover o enxágue. Aplicar o bálsamo de ação calmante e antioxidante, Elixir Hair & Scalp Massage, diretamente no couro cabeludo e distribuir o cosmecêutico de forma homogênea em todo comprimento do fio. Massagear suavemente – reflexologia –, aguardar tempo de pausa, enxaguar abundantemente e secar totalmente com temperatura branda. Aplicar as luzes azul e vermelha por 20 minutos e finalizar o protocolo.

Kit Fito Capillus Herbal Grandha para tratamento de psoríase e terapia capilar.

Kit Fito Capillus Herbal.

Protocolo 3
Protocolo facial e corporal – psoríase – de fotobiomodulação, cosmiatria e acalmia – aromaterapia –. Realizar a higienização da pele com o Eucalyptus Body Soap e enxaguar totalmente. Utilizar solução de clorexidina e, depois, aplicar a luz azul seguida da vermelha. Preparar um blend com 10 gotas de óleo de rosa mosqueta, 1 gota de óleo essencial de gerânio e 1 gota de óleo essencial de lavanda francesa. Aplicar suavemente em toda região, aguardar tempo de pausa e aplicar fotoprotetor, se necessário.


Referências:


Ursula Abelan é farmacêutica e bioquímica. Blog Grandha.

Acompanhe nossas atualizações e novidades no Facebook Grandha.

Grandha Instagram. @grandhabrasil, siga-nos no Instagram.


Mulher fazendo terapia para alopecia androgenética feminina.

Terapia Hormonal Para Alopecia Androgenética Feminina

Compartilhe:

Terapia Hormonal Para Alopecia Androgenética Feminina

A alopecia androgenética feminina é uma condição relativamente comum e que pode acarretar alguns problemas sérios, muito embora os cabelos não tenham funções indispensáveis no funcionamento fisiológico do nosso organismo. Estes problemas aos quais me refiro são graves problemas de ordem psicológica.

Um estudo de 2002 [1] indicou que, à época, 55% das mulheres com casos clássicos de alopecia feminina apresentavam sintomas de depressão. Naquele mesmo grupo, 89% tiveram uma redução perceptível dos sintomas negativos após tratamento da queda de cabelo.

Porém, os sintomas psicológicos associados à alopecia androgenética feminina não estão limitados à depressão. Ansiedade, obsessões, insatisfação com a própria aparência e baixa auto-estima também estão associadas a quadros de alopecia[2]. Do grupo analisado, 40% das pacientes atribuíram à alopecia feminina diversos problemas no casamento, e 63% atribuíram à mesma causa problemas na vida profissional [3].

O que é Alopecia Androgenética Feminina?

Conhecida em inglês pela sigla FPHL – Female Pattern Hair Loss –, a alopecia androgenética é a principal causa de queda de cabelo em mulheres do mundo todo [4] e apresenta sintomas em ordem bem definida e distinta da doença que acomete os homens.

Nelas, o padrão é o seguinte: a linha capilar frontal é mantida, mas ocorre um gradual afinamento dos fios na coroa e no topo da cabeça. Este afinamento acontece após alteração do ciclo de formação dos fios, com encurtamento da fase anágena e alongamento da fase telógena.

Em outras palavras, a fase de descanso aumenta e a fase de crescimento diminui em tempo e intensidade. Por consequência, longos pelos terminais são progressivamente substuídos por pelos vellus, como os de um bebê [5].

Como Ocorre a Alopecia Androgenética?

Apesar do nome alopecia androgenética, o exato papel dos hormônios no processo é um pouco incerto. Sabemos que hormônios andrógenos afetam diretamente o crescimento de pelos – incluindo cabelos, evidentemente – em todo o corpo.

Há 2,4 mil anos, o grego Hipócrates notou que os escravos eunucos – homens geralmente castrados antes da puberdade e, portanto, desprovidos de altos níveis de hormônios como a testosterona – não ficavam calvos na velhice.

Naturalmente, o chamado hiperandrogenismo não pode ser a única causa fisiológica para a alopecia androgenética feminina, visto que a maioria das mulheres com o distúrbio não apresentam níveis anormais de andrógenos [6].

No entanto, Hipócrates intuiu corretamente que havia um correlação hormonal, sim. A alopecia androgenética em homens está associada a mudanças nos receptores andrógenos e geralmente responde bem a terapia antiandrógenas [7]. No caso da alopecia feminina, genes que codificam a aromatase, que converte testosterona em estradiol, também estão implicados no processo.

Tabela de biossíntese androgênica.

Processo de biossíntese androgênica.

A androstenediona, majoritariamente produzida nos ovários e glândulas adrenais, é convertida em testosterona pela enzima 17β-hidroxiesteroide desidrogenase. A testosterona então circula pelo corpo com a finalidade de chegar aos tecidos.

Enzimas metabolizadoras de andrógenos já foram encontradas em diferentes partes do folículo piloso [8]. A presença destas enzimas faz da unidade pilossebácea um ambiente de metabolização e síntese de andrógenos [9].

Além disso, uma certa quantidade de testosterona livre se vincula a receptores andrógenos intracelulares no bulbo capilar e na papila dérmica, o que facilita o processo supramencionado da transformação gradual de pelos terminais em pelos vellus, ou então é metabolizada em di-hidrotestosterona (DHT) pela enzima 5-alfa-redutase.

A DHT, então, se conecta ao mesmo receptor, mas com muito mais afinidade [10]. Dentre os andrógenos mencionados na imagem acima, apenas o DHT e a testosterona se vinculam a receptores andrógenos [11].

Tratamento da Alopecia Androgenética Feminina

Chegamos finalmente ao ponto crucial: o que apontam as pesquisas dos últimos 40 anos acerca de como tratar casos de alopecia androgenética feminina de maneira realmente eficaz? Pois bem: conclui-se que o essencial é atuar contra o processo de conversão da ação enzimática e subsequente ligação ao receptor andrógeno.

Ou seja, uma das formas mais eficientes de se combater e até mesmo reverter o processo de queda, é justamente evitando que a testosterona se transforme em DHT. E é aí que a Grandha surpreende com altíssima tecnologia cosmética.

O Papel da Enzima 5-Alfa-Redutase

Após a apreciação dos estudos referenciados aqui, vemos que é perfeitamente plausível esperar uma redução palpável na evolução da alopecia androgenética feminina ao impedir a conversão da testosterona em DHT, um andrógeno que se vincula aos receptores com mais eficiência que a testosterona, intensificando a queda de cabelo.

Kit Urbano Spa Blue Grandha, para alopecia androgenética.

Kit Urbano Spa Blue da Grandha suprime a ação da enzima 5-alfa-redutase.

É justamente com este tipo de ação localizada, especificamente nos folículos capilares, que age a linha Urbano Spa Blue. Em conjunto, estes produtos realizam limpeza profunda, regulam a oleosidade do couro cabeludo e fortalecem o folículo piloso.

Confira o protocolo de aplicação e compreenda o funcionamento da linha, passo a passo.

Acompanhe nossas atualizações e novidades no Facebook Grandha.

Grandha Instagram. @grandhabrasil, siga-nos no Instagram.



[1] Camacho F.M., Garcia-Hernandez M. Psychological features of androgenetic alopecia. J Eur Acad Dermatol Venereol. 2002;16:476-480.

[2] Dlova N.C., Fabbrocini G., Lauro C., Spano M., Tosti A., Hift R.H. Quality of life in South African Black women with alopecia: a pilot study. Int J Dermatol. 2016;55:875-881.

[3] Hunt N., McHale S. The psychological impact of alopecia. BMJ. 2005;331:951–953.

[4] Varothai S., Bergfeld W.F. Androgenetic alopecia: an evidence-based treatment update. Am J Clin Dermatol. 2014;15:217–230.

[5] Yazdabadi A., Sinclair R. Treatment of female pattern hair loss with the androgen receptor antagonist flutamide. Australas J Dermatol. 2011;52:132–134.

[6] Schmidt T.H., Shinkai K. Evidence-based approach to cutaneous hyperandrogenism in women. J Am Acad Dermatol. 2015;73:672–690.

[7] Ellis J.A., Sinclair R., Harrap S.B. Androgenetic alopecia: pathogenesis and potential for therapy. Expert Rev Mol Med. 2002;4:1–11.

[8] Bolognia J.L., Jorizzo J.L., Schaffer J.V. 3rd ed. Elsevier; Amsterdam: 2012. Dermatology.

[9] Fazekas A.G., Sandor T. The metabolism of dehydroepiandrosterone by human scalp hair follicles. J Clin Endocrinol Metab. 1973;36:582–586.

[10] Levy L.L., Emer J.J. Female pattern alopecia: current perspectives. Int J Womens Health. 2013;5:541–556.

[11] Burger H.G. Androgen production in women. Fertil Steril. 2002;77:S3–S5.


Page 1 of 11123...Last

Loja Virtual

Mídias Sociais

Facebook Grandha.

Instagram Grandha

YouTube Grandha